15 de dezembro de 2018
  • Gastronomia.com España
  • Gastronomia.com México
  • Gastronomia.com Perú
  • Gastronomia.com Colombia
  • Gastronomia.com Paraguay
  • Gastronomia.com Argentina
  • Gastronomia.com Ecuador
  • Gastronomia.com USA
Siga-nos no  

26 de outubro de 2018
Avaliação  51 (1)
Tangerina
FacebookTwitterGoogle PlusLinkedin
Originalmente da China e com algumas variedades, a tangerina se espalhou rapidamente pelo mundo. Seus múltiplos benefícios e sua colheita em grande escala faz com que seja um alimento cada vez mais incorporado em nossa culinária e dieta.
 
A tangerina é uma fruta característica e utilizada nas nossas cozinhas, por duas razões: pelo seu sabor peculiar e pelo seu fácil manuseamento para a descascar.
 
Melhorar a pele e cabelo




 
Melhoram o funcionamento cognitivo, têm ácido fólico, potássio e vários antioxidantes e são conhecidos por seus benefícios neurológicos.
 O potássio aumenta o fluxo de sangue para o cérebro e melhora a atividade neuronal, a concentração e as faculdades cognitivas. O ácido fólico reduz o risco de deterioração cognitiva e de Alzheimer.
 
Melhorar a saúde cardiovascular
 
Vitamina B6, vitamina C, potássio e fibra melhoram a saúde cardiovascular. De acordo com a Pesquisa Espanhola de Exame de Saúde e Nutrição, um grande número de americanos não consome a ingestão diária recomendada de potássio (4700 mg), apesar de seus benefícios. Um estudo indica que pessoas que consomem 1069 miligramas de potássio por dia têm uma chance 49% menor de morrer de doença cardiovascular em comparação com pessoas que consomem 1000 mg diariamente.
 
Também melhoram a saúde do sistema digestivo porque contém muita fibra e ajudam a manter uma pressão sanguínea saudável. Estão cheias de potássio, têm pouco sódio e ajudam o sistema imunológico.

Valora esta noticia 

 

Top videos

EVENTOS
10 de outubro de 2017
(41)
Del 15 al 17 de septiembre se celebró en La Rural, Buenos Aires, FIBEGA, la Feria Iberoamericana de Gastronomía, que reunió a los destinos gastronómicos mundiales más relevantes, el II Congreso Iberoamericano de Gastronomía y el Encuentro Iberoamericano de Chefs. Países como Perú, México, Argentina, Uruguay, Brasil, Guatemala o País Vasco mostraron su riqueza y diversidad gastronómica; y representantes de diferentes sectores relacionados con la cocina como los chefs Germán Martitegui, Andoni Luis Aduriz o José del Castillo, ofrecieron showcookings y presentaciones. Un túnel del vino, en el que se ofrecieron catas y degustaciones de los vinos y bebidas más representativas y sorprendentes, y diferentes espacios de degustación y mercado. 3 jornadas de celebración de la cultura gastronómica de Iberoamérica que reunieron a más de 22.000 visitantes.