19 de novembro de 2019
  • Gastronomia.com España
  • Gastronomia.com México
  • Gastronomia.com Perú
  • Gastronomia.com Colombia
  • Gastronomia.com Paraguay
  • Gastronomia.com Argentina
  • Gastronomia.com Ecuador
  • Gastronomia.com USA
Siga-nos no  

21 de dezembro de 2018
Avaliação  53 (3)
Tradição colombiana: bandeja Paisa
FacebookTwitterGoogle PlusLinkedin
Bandeja Paisa é uma representação cultural da Colômbia já que é um dos pratos mais destacados do país. Sua origem ocorre no eixo cafeeiro (Antioquia, Caldas, Risaralda, Quindío e o norte de Valle del Cauca) embora se diga que é especificamente de Antioquia.
 
A origem de seu nome é porque nasceu da cozinha das paisas (pessoas da área do eixo do café), e a bandeja é porque este prato requer que seja servido em uma bandeja devido a sua abundância de ingredientes.

Esta tradição culinária é também conhecida como Bandeja de arriero ou Bandeja montañera. Sua origem não é muito antiga, já que nenhum registro foi encontrado antes de 1950.




Cada região prepara com seu próprio estilo e ingredientes, mas a essência permanece intacta de geração em geração. A abundância de ingredientes é uma das suas principais características, algumas bandejas podem ser servidas com até 14 ingredientes diferentes, incluindo feijão, torresmo, carne moída, arroz branco, chouriço, ovo frito, abacate, arepa e banana madura. Os acompanhamentos são, geralmente, mazamorra com leite e macho doce.
 
Em alguns restaurantes em Antioquia é oferecida uma variante deste almoço típico, a bandeja das sete carnes que, além dos ingredientes típicos, tem carne assada, morcela antioquenha e fígado de porco grelhado.
 
Diana Ramírez R.
 
Créditos da imagem: Pinterest (Colombia.com)

Valora esta noticia 

 

Top videos

EVENTOS
10 de outubro de 2017
(43)
Del 15 al 17 de septiembre se celebró en La Rural, Buenos Aires, FIBEGA, la Feria Iberoamericana de Gastronomía, que reunió a los destinos gastronómicos mundiales más relevantes, el II Congreso Iberoamericano de Gastronomía y el Encuentro Iberoamericano de Chefs. Países como Perú, México, Argentina, Uruguay, Brasil, Guatemala o País Vasco mostraron su riqueza y diversidad gastronómica; y representantes de diferentes sectores relacionados con la cocina como los chefs Germán Martitegui, Andoni Luis Aduriz o José del Castillo, ofrecieron showcookings y presentaciones. Un túnel del vino, en el que se ofrecieron catas y degustaciones de los vinos y bebidas más representativas y sorprendentes, y diferentes espacios de degustación y mercado. 3 jornadas de celebración de la cultura gastronómica de Iberoamérica que reunieron a más de 22.000 visitantes.